Nossa Gira

Nossa oferenda a Ogum realizada em 27/04/2013

Nossa oferenda a Ogum realizada em 27/04/2013

Ebó - Xango - 2013

Ebó para Xangô – 29/06/2013

Festa Ogum 2013

Festa Ogum 2013

Ebó - Xango - 2013IMG_0749IMG_0661

Nossa tronqueira

Nossa tronqueira

 

 

Festa Ogum 2013

Festa Ogum 2013

JeaneMãe Cristina de IansãIMG_0142DSC_0057Entrega Santuário

Nossa Gira realizada no Santuário da Umbanda.

Cabocla Flecheira Lua Cheia

A cabocla Lua Cheia é sempre a primeira a baixar no terreiro. Coloca-se no centro e lança suas flechas de luz nos quatro cantos do terreiro. Toma suas ferramentas de trabalho e faz uma limpeza fluídica nos médiuns que Ela escolhe, seguramente por necessitarem desse tipo de descarrego. Antes de subir, deixa o terreiro limpo e com muito axé, preparado para a gira. Saravá, Cabocla Lua Cheia ____________________________________________________

Filhos da casa:Wilson, Cristina, Ercílio, Cida, Walter e Jeane. Saravá, meus irmãos de gira! Tantos anos de experiência estudando as obras Kardecistas, de repente fomos surpreendidos com as riquezas proporcionadas pela Umbanda dos Orixás. Doutrinados pelos anos de vivência do espiritismo codificado, tivemos que romper com dogmas e conceitos estabelecidos, e aceitar uma verdade até então desconhecida. Mas, como diz Pai Guiné, “tudo faz parte do nosso processo evolutivo”. Certa vez, o maior dos mensageiros disse: “Felizes os convidados para a santa ceia”, acredito que a Umbanda nos foi apresentada como uma oportuna Ceia, capaz de saciar nossa fome de conhecimento. Agradeço todos os dias o momento em que fomos visitados pela primeira vez pela preta velha Vovó Diana (2008). Foi o início de uma caminhada árdua, porém repleta de momentos de aprendizado, e também uma oportunidade única para exercitarmos a caridade. Saravá, nosso Pai Oxalá ____________________________________________________

Coordenadores Espirituais da nossa gira: – A Direita de Zambi * Caboclos: Caboclo Pena Verde, Caboclo Rompe Mato, Caboclo Pena Branca, Caboclo Pena Pequena, Cabocla Flecheira Lua Cheia. * Pretos(as) Velho(as): Pai Guiné, Pai João, Vovó Diana * Marinheiro Martim * Sr. Zé Pilintra e nosso querido Sr. João Baiano – A Esquerda de Zambi Exu Caveira, Exu Tranca Ruas das Encruzilhadas, Exu Marabô, Pombo-gira Rosa Caveira. ———————————————————————————————–

A caridade começa em casa
Faltavam 45 minutos para começarmos nossa gira, e na ante sala estavámos reunidas discutindo a educação dos nossos filhos. Sabe como é né? Coisa de mãe mesmo, nunca perdemos a oportunidade de trocarmos experiência educacional, pois o exercício da maternidade é extremamente complexo. Como entender esses jovenzinhos na faixa dos quatorze? Praticamente impossível para nós mães traduzir as manias e o lingüajar quase tribal. O que acontece é que saímos às vezes aos gritos de protesto em acessos de nervos. Nossa gira começou pontualmente as vinte horas e Pai João não perdeu a oportunidade de ensinar, e disse: – Meus queridos filhos e filhas, a caridade e a tolerância devem ser exercitadas em casa. Somente depois de conseguir estabelecer a harmonia dentro do seu lar, vocês estarão prontos para levar sua experiência a outros lares. Ser pai e ser mãe é a grande oportunidade dada por Zambi, para que vocês possam desenvolver a tolerância e o verdadeiro amor. Muitos irmãos que estão trabalhando na seara dos Orixás, deveriam voltar aos seus lares, e começar tudo novamente. Savará, meu querido Pai João. Por: Cristina de Oxóssi ____________________________________________________

“A dor e o sofrimento depura a alma”………………. será?


Quantas vezes não encontramos pessoas que estão passando por momentos difíceis, e as explicações das muitas instituições religiosas são sempre as mesmas:
– Deus assim determinou….. tenha fé.
– Deus sabe o que faz….. seja forte.
– Deus escreve certo em linhas tortas….. seja resignado.
– Deus está testando sua Fé….. suporte sem reclamar. Esta é ótima:
– O Senhor está te dando a oportunidade de crescer pela dor….. aproveite!
E por aí vai…..
Atribuímos todas as nossas dores e desgraças à vontade divina. Pai João nos diz que a maioria dos problemas que nos afligem ao longo da nossa vida, é unicamente conseqüência dos nossos atos, portanto somos os únicos responsáveis. As religiões nos fizeram acreditar que o Criador está em algum lugar especial, donde pode ver cada um de nós, e decidir nosso destino em função das nossas escolhas, podendo Ele mudar de opinião ao se compadecer de nossa dor,ou perdoar nossas dívidas diante de incansáveis pedidos de clemência, sendo que devemos temer e nos humilharmos diante Dele, se quiser ter a chance de ver nossos problemas resolvidos. Pai Guiné nos ensina que por ser o Criador Perfeito, está Ele, acima de todos os sentimentos conhecidos pelo homem. A Criação é a manifestação da justa medida, sem variáveis. Olorum é a própria chama da vida, incriado, vibra por si só de forma organizada em todas as dimensões.
Ao longo da nossa existência, fomos ensinados que Deus está atento aos nossos movimentos e que podemos convencê-lo a ser mais tolerante conosco, a atender nossas necessidades, bastando para isso, orar…. orar…. e ter muita fé.
Certa vez Exu Tranca Ruas disse: – Somente Eu e Aqueles que estão abaixo, podem se compadecer de você, e quem sabe mudar de idéia.
Laroiê Sr. Exu Tranca Ruas!
Está óbvio que podemos sim nos fazer ouvir por Aqueles que estão a serviço dos Orixás, porque somente Eles são os executores das leis divinas, e como nós, sujeitos as influências dos sentimentos humanos.

Wilson de Omulu

4 respostas para Nossa Gira

  1. Marcelo Max disse:

    Como faço pra fazer parte desse religião???

    • atabaque26 disse:

      Caro amigo,
      Atenda o chamado do vosso coração e procure um terreiro para conhecer a religião Umbanda.
      Muito Axé para você e sua família.

      Cristina de Oxóssi.

  2. André disse:

    Olá Cristina/Wilson foi um prazer conhece-los neste sabado,grato pelo presente abçs André

  3. José Antonio dos Santos disse:

    Olá ilustres. Foi muito bom rencontrá-los. Dei uma navegada pelo blog. Gostei.Como lhes disse, eu não fazia idéia do trabalho de vocês. Vou procurar saber mais. Abração.Zéantonio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s