OS DOIS LADOS DA MOEDA

Havia passado uma semana, e lá estávamos novamente aguardando a gira do dia. Sentados no banco largo de madeira de lei,  impossível não notar os olhares inquietos vasculhando o ambiente como que procurando algo no invisível. A gira de Exu havia sido anunciada com antecedência, e como de costume a casa ficava cheia nesse dia.

Diferentemente da gira anterior, havia um  clima festivo, predominando o vermelho e o preto na decoração escolhida e arrumada nos menores detalhes, inclusive destacava-se o colorido do balcão de frutas e bebidas.

O relógio marcava vinte horas, e depois de vários pontos cantados com mestria, os Exus subiram e completaram o ambiente com suas danças, movimentos sincronizados e gargalhadas, transformando aquele momento num instante de pura magia. Sr. Tranca Ruas estava sentado em uma almofada, e enquanto revezava um charuto com um copo de whisky, conversava de forma amigável com as pessoas a sua volta, rindo alto muitas vezes, talvez das perguntas ingênuas que lhe faziam. Foi nesse momento que por impulso pedi a Ele que falasse sobre a falta de tolerância nos diversos setores, exatamente o tema desenvolvido pelos Pretos Velhos na semana anterior, Ele ficou sério e com o charuto no canto da boca disse sem pestanejar:

– Tem muita gente que pode falar sobre isso!  Prefiro falar sobre intolerância!

E  gargalhou diante da minha surpresa. Depois de me chamar por um apelido de infância que prefiro omitir, Ele continuou:

– O homem em sua essência possui a capacidade de alterar seus sentimentos de um extremo ao outro, em imediata resposta a emoção que esteja vivendo no momento. É uma questão de sobrevivência! Não sinta vergonha de sentir raiva, indignação, ódio, mágoa, blá, blá, blá…. Você nunca irá se livrar desses sentimentos ou deixaria de ser humano. Em vez de somente valorizar os chamados sentimentos positivos, deveriam ensinar mais as pessoas a ter controle sobre as emoções tidas como negativas. Muitas pessoas passam a vida toda correndo atrás de absolvição dos seus pecados, simplesmente porque as fizeram acreditar que são más, por sentirem algo que nem imaginam elas, fazem parte do equilíbrio emocional. Quando alguém tem controle emocional o que vocês falam? “essa pessoa é equilibrada!!!” não é isso?, pois bem, para que exista equilíbrio, é sempre necessário dois pesos, ou dois lados, ou duas forças.

A essa altura os ouvintes formavam um círculo ao redor do mestre das encruzilhadas, que completou o discurso:

– Desde que o mundo é mundo, uma minoria dominante sempre ditou as regras de conduta, levando o homem a algum tipo de conflito emocional, e uma prática muito antiga por parte de espertalhões, controlar as massas se utilizando para isso da fé e de dogmas incompreensíveis . Quer saber de uma coisa??…. não mudou nada!!…. tudo igual!!…. as pessoas continuam sendo levadas a acreditar que são impuras  por serem elas incapazes de bondade incondicional. Estimulam o medo do além túmulo, loteiam o paraíso como se fosse um lugar, e com isso conseguem manipular o ignorante desenvolvendo a cegueira espiritual. Manso e cego, segue o homem em busca de evolução, e diante de uma sociedade corrupta, violenta e cheia de injustiças, não se permite qualquer reação, se omite, e a cada sentimento que involuntariamente brota nos momentos de indignação, sufoca o grito, sente culpa….. por se achar tão longe de ser perfeito.

Depois de uma gargalhada extensa, Sr. Tranca Ruas estendeu-me o copo que segurava, e pediu que eu lhe servisse outra dose.

Laroiê Sr. Tranca Ruas das Encruzilhadas!

Por: Wilson de Omulu

Anúncios

Sobre atabaque26

Nosso pequeno grupo de Umbanda, tem como principal objetivo pesquisar e aprender com nossos amigos espirituais, sendo a verdade e seriedade conduta obrigatória em todos os membros da nossa gira. Saravá Caboclo Rompe Mato.
Esse post foi publicado em Laroiê Exu, Tranca Ruas e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s